Niterói ganhará sinais inteligentes e trânsito monitorado em tempo real

22/06/2016 - 14:06

Novo sistema deve começar a funcionar dentro de quatro meses, nas dez áreas mais congestionadas da cidade.

sinais

Os dez locais que concentram os engarrafamentos em Niterói passarão a ter parte dos semáforos sincronizados para melhorar o tráfego de veículos na cidade. Pioneiro na América do Sul, o novo sistema permitirá acionar em tempo real o sinal verde por mais tempo em uma área engarrafada, ou o vermelho para segurar o fluxo quando necessário, em caso de acidente, por exemplo, contribuindo para reduzir os congestionamentos.

Nos próximos quatro meses, serão instalados 190 controladores inteligentes de tráfego em Icaraí, Fonseca, Centro, Santa Rosa, São Francisco/Charitas, Largo da Batalha, Orla (Icaraí, Ingá e Centro), Barreto, Engenho do Mato e Região Oceânica. Cada controlador pode integrar até quatro semáforos. A diferença é que os equipamentos utilizados atualmente na maioria das cidades seguem um modelo pré-programado de fluxo de veículos.

A implantação do novo sistema – chamado de Centro de Controle de Operações (CCO da Mobilidade) – foi formalizada nesta quarta-feira (22), na sede da Prefeitura de Niterói. Assinaram o convênio o prefeito e representantes da ENGIE, fornecedora dos equipamentos eÂÂ responsável pela implantação do mesmo sistema em cidades como Paris e Londres.

O investimento no CCO será de R$ 19,1 milhões, por meio de convênio com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), dentro do Programa de Desenvolvimento Urbano e Inclusão Social de Niterói.

Para o prefeito, o novo sistema muda o paradigma da gestão do sistema viário da cidade que, segundo ele, se tornará a melhor do Estado do Rio de Janeiro.

“Com a implantação de sinais inteligentes, o monitoramento por câmeras nos cruzamentos mais importantes e os painéis informativos, será possível melhorar em 30% a fluidez no trânsito, contribuindo para reduzir a poluição e o tempo de deslocamento, além de melhorar a qualidade de vida da população”, disse.
“Estamos orgulhosos de sermos a empresa que está implantando esta tecnologia pela primeira vez em uma cidade da América do Sul, uma tecnologia que permitirá a Niterói evoluir de uma gestão passiva do trânsito para uma gestão ativa e muito mais eficiente”, afirmou o Presidente da ENGIE no Brasil, Maurício Bähr.

INTEGRAÇÃO – O CCO funcionará junto ao Centro Integrado de Segurança Pública (CISP), em Piratininga.Além da sincronização de semáforos, o novo sistema permitirá o monitoramento em tempo real do trânsito nas dez áreas identificadas pela NitTrans, o órgão municipal de trânsito de Niterói.

A empresa responsável pelo sistema instalará 55 quilômetros de cabos de fibra óptica e um total de 212 câmeras, das quais 190 de monitoramento do trânsito (controladores inteligentes de tráfego) e 22 de vigilância (com alcance de 360 graus). Ao vigiar o trânsito, essas câmeras vão estabelecer o tempo de cada sinal a partir da contagem do número de veículos que passam em uma determinada via.

Haverá, ainda, 14 painéis eletrônicos com informações úteis para os motoristas, como as condições de trânsito e o tempo de determinados trajetos; e um sistema fechado de TV, que transmitirá para o CCO imagens digitais em tempo real sobre o fluxo de veículos.
A expectativa é que o novo sistema reduzirá a necessidade de manutenção nos semáforos, além do tempo das viagens, do consumo de combustível e da emissão de gases poluentes – com impacto positivo no meio ambiente.